Reclame Aqui: Como funciona este grande aliado dos consumidores brasileiros

Veja como você pode usar o Reclame Aqui para resolver diversos problemas do direito do consumidor

Guia completo sobre o Reclame Aqui

No Brasil existe o Procon que é o “agente” fiscalizador de empresas no que diz respeito ao consumo dentro dos municípios e estados. Mas na internet, existe o Reclame Aqui que visa auxiliar o consumidor como ponte de contato com empresas que fizerem vendas de bens e serviços e que não foi o desejado ou bem aceito.

O portal que existe há quase 20 anos é o xodó daqueles que fazem uma rápida vasculhada na vida da empresa e procuram saber como ela se comportou perante aos seus clientes. Tudo isso é feito com base em notas e ranking que vamos destacar neste guia.

No outro lado, é a forma da empresa mostrar que se preocupa com o cliente e buscar resolver essas pendências que surgem todos os dias e são destacadas no site por meio de uma pontuação que vai do “excelente” ao “ruim”. Não deixe de conferir e tirar dúvidas!

O que é o Reclame Aqui

O Reclame Aqui é um site com quase 20 anos de existência que atua como agente de comunicação entre os consumidores e empresas espalhadas pelos quatro cantos do país. É um canal bastante acessado na internet para eventuais apontamentos e reclamações sobre compras e serviços.

Mais de meio milhão de usuários entram no site diariamente e realizam pesquisas sobre as reputações das empresas antes de realizar compras ou contratar serviços para eventuais problemas que possam surgir num determinado objeto, etc. E tudo é feito de maneira gratuita. É só acessar!

Como o Reclame Aqui funciona?

É basicamente o site que fará o papel de receber apontamentos sobre determinadas empresas em que certos clientes utilizaram, ou seja, pagaram pelo seus serviços ou itens que vieram com algum problema ou situação nada resolvida.

Na plataforma é devidamente proibido ofender, utilizar palavras de baixo calão para destacar certas situações.

O cliente poderá usar do espaço para fazer críticas sobre determinadas situações que ocorreram no decorrer de sua experiência nada agradável com tais produtos e ações que certas empresas deixaram de cumprir após firmamento de contratos ou pagamentos espontâneos.

Para quem quer reclamar

O consumidor precisa entrar no site e fazer um cadastro gratuito com apenas dados básicos e aceitar os termos e condições de uso daquela plataforma.

Feito isso, o usuário poderá descrever situações que se envolveu e fatos que envolvam o descumprimento de empresas perante aos produtos comprados ou serviços.

Caberá ao site enviar para essas empresas as reclamações dos informantes para conseguir um retorno satisfatório.

Para a empresa (CNPJ)

Já no caso das empresas em emitir respostas, é necessário que elas também façam um cadastro no site do Reclame Aqui que haverá duas formas para elas manterem a interação com o site sendo:

  1. Por meio do consumidor que poderá solicitar o cadastro dela na plataforma
  2. Pelo trajeto próprio feito pela empresa que fará a solicitação

Em ambos os casos a empresa ficará responsável em avaliar os feedbacks de cada cliente.

O que é preciso para fazer uma reclamação

  • Ser maior de 18 anos e ter CPF ativo;
  • Entre no site do Reclame Aqui;
  • Utilize do cadastro rápido e gratuito;
  • Tenha o CNPJ, nome da empresa, site e um e-mail;
  • Seja detalhista na reclamação;
  • Não coloque seus dados pessoais ou nomes de terceiros na reclamação;
  • Quanto maior as informações do fato melhor o atendimento;
  • Não use palavrões.

Para o que serve o Reclame Aqui?

O portal recebe mensalmente mais de 40 milhões de visitas sendo que existem mais de 15 milhões de pessoas cadastradas e 120 mil empresas que adotaram o ambiente do site como forma de melhor atender e saber o que os consumidores têm alertado sobre tais produtos e serviços que não foram bem pautados e trabalhados com a clientela.

É nesse site que as reclamações ficam indexadas ao Google e também no Yahoo e Bing, buscadores mais conhecidos no mundo.

O que ajuda as pessoas a saber mais sobre tais reclamações que outrora clientes fizeram sobre determinados fatos com certas empresas. Além também de ser uma ferramenta que fomente a mudança de postura de ambas as partes.

O Reclame Aqui pode ser usado como prova em processos?

Depende! Caberá à empresa valorizar o depoimento dos clientes para até mesmo saber onde errou com a venda de produtos e serviços.

Menosprezar o feedback ou denúncia dos usuários não é uma coisa legal pelo fato de perder a clientela e de ter novos compradores optando pela concorrência. Reconheça as falhas e resolva os problemas.

Ao cliente, é interessante além de colocar no site as situações ocorridas ou recorrentes, buscar também informações sobre os seus direitos no site do Procon.

Vale ressaltar também que o Código de Defesa do Consumidor (CDC) é também o manual que poderá ser consultado em caso do descumprimento das normas de vendas ou trocas. Pesquise e avalie!

Quais serviços o Reclame Aqui oferece?

Além do que já destacamos sobre o papel do Reclame Aqui no que diz respeito à utilização dos clientes em terem o site como um canal para falar de situações indesejadas sobre as empresas, o portal também presta serviços às empresas como forma de avaliação e feedback ao trabalho e retorno que elas têm prestado aos seus usuários.

Dessa forma, no próprio canal, existem as “carinhas de reputação” que estão classificadas por cores e adjetivos.

O verde representa que a empresa é ótima, já o roxo, o cliente não recomenda. Outras cores poderão ser utilizadas também como avaliação conforme está no site.

No próprio site também existe um índice próprio de avaliação baseado no que o consumidor descreve.

É utilizado uma fórmula matemática embasada em: “AR = ((IR * 2) + (MA * 10 * 3) + (IS * 3) + (IN * 2)) / 100”. Aqui ficarão as respostas com base na avaliação feita do usuário no site, conforme destacamos, no uso das “carinhas coloridas”.

Será com base nessa conta final que o Reclame Aqui poderá dizer se a empresa possui índices avaliativos positivos ou negativos.

O que são os selos do Reclame Aqui

Existe no site um selo denominado como RA 1000. É uma forma de destacar que a empresa possui excelentes índices avaliativos e que cumpriu com o dever perante aos seus usuários.

Isso representa que no pós-venda as empresas cumpriram muito bem o seu elevado grau de confiança tanto para os seus produtos, quanto aos seus serviços.

Para que uma empresa receba o selo RA 1000 é preciso que ela esteja igual ou superior a 50% de avaliação positiva.

Todas empresas passam por uma auditoria técnica antes do recebimento do selo. E a média para o recebimento desse selo é de aproximadamente 1 ano com constantes avaliações positivas.

H4: Quais selos/status existem

  • Selo RA 1000;
  • Carinha Verde (Ótimo);
  • Carinha Azul (Bom);
  • Carinha Amarelo (Regular);
  • Carinha Vermelho (Ruim);
  • Carinha Roxa (Não Recomendado);
  • Carinha Cinza (Sem Índice);
  • Carinha Laranja (Empresa em Análise).

O Reclame aqui é confiável?

Sim, é! O site utiliza de um sistema próprio e com credibilidade para avaliar os depoimentos de cada usuário com base em situações descritas para as empresas possam receber e dar uma atenção a mais aos seus clientes.

O site existe há quase 20 anos com mais de 15 milhões de inscritos, além de 120 mil empresas que aderiram ao sistema para melhor conhecer os anseios de cada cliente.

A ideia é justamente essa em demostrar que é possível reconhecer os equívocos e se propor em resolvê-los.

Porque o Reclame Aqui é tão importante para o consumidor?

Além do Procon, que assim como o CDC, em que juntos pregam a lei, o Reclame Aqui traz embasamento sobre prováveis empresas que o cliente deseja adquirir bens ou serviços mas está em dúvida quanto à credibilidade no mercado.

No site haverá avaliações que se somarão aos comentários de outras pessoas que descreveram suas experiências particulares.

Quais são as consequências das reclamações?

Por ter uma lógica de avaliação e critérios a serem seguidos as empresas precisam se atentar aos índices de avaliação que vão apontar se a empresa está cumprindo com as obrigações para com os seus clientes.

Serviços bem prestados e retornos aos feedbacks podem influenciar se a empresa é ou não confiável dentro do ranking destacado no próprio site.

Como fazer uma reclamação no Reclame Aqui?

O cliente precisa entrar no site do Reclame Aqui e preencher um cadastro rápido e gratuito e ter 18 anos, além de um CPF ativo.

Feito isso, relate o que aconteceu, pois a empresa precisará saber que houve tentativa ou consumo de bens e serviços na plataforma dela.

Seja bastante detalhista, mas não utilize palavras de baixo calão sobre o fato ocorrido. Perder a cabeça neste momento não vai ajudar a resolver tais problemas com a empresa e ela poderá solicitar também informações extras para melhor entender e ajudar o mais rápido possível.

Além disso, é importante sempre ter em mãos também o CNPJ, nome da empresa, site e um e-mail.

Depois desse processo é aguardar que a empresa reclamada faça a parte dela. E uma dica também é ter o diálogo com a empresa nas próprias redes sociais dela para ter mais visibilidade o seu caso e fazer com que outras pessoas também interajam e o caso ganhe volume . E de novo: não perca a cabeça!

Via WhastApp o Reclame Aqui também está atendendo. Basta seguir esse passo a passo:

  1. Mande a mensagem “Quero reclamar”;
  2. Número (11) 9 7062-2753;
  3. Aguarde;
  4. Informe o nome da empresa;
  5. Enviar título de reclamação;
  6. Enviar texto da reclamação;
  7. Confirmar ou Editar;
  8. Fazer login no site do Reclame Aqui;
  9. Pronto e Aguardar.

Quem responde as reclamações do site

A reclamação fica no site por até 3 anos completos conforme a data da publicação. E caberá à própria empresa ou organização apontada pelo cliente, por meio de sua equipe especializada, em fazer as tratativas que envolvam reclamações e demais assuntos.

Uma boa comunicação entre empresa e consumidor começa com respostas claras e não genéricas. Um bom tratamento personalizado poderá acalmar o cliente e trazer melhores resultados nessas situações.

Quem avalia a reputação das empresas?

Serão os próprios clientes que farão as devidas avaliações com base no processo que destacamos mais acima.

Caberá às empresas em se atentar o que o cliente está dizendo com base nos seus desejos e anseios que no percurso num ato de compra não foi tão positivo e ele quer uma solução.

A empresa deverá evitar respostas duras com certos tons de ameaça e deixar de responder não é positivo para a marca.

O perfil ideal é reconhecer que falhou e buscar resolver tal situação. Com isso os índices no Reclame Aqui ficarão mais positivos do que o contrário.

Qual é a diferença entre o Reclame AQUI e o Procon?

O que precisa ficar separado e de fácil entendimento é que o Reclame Aqui é um site que visa facilitar o diálogo – um caminho curto, entre consumidores e empresas para que tenham em denominador comum no diz respeito em resolver situações agravantes em atos de compras e serviços.

Já o Procon, é um órgão administrativo que existe tanto na esfera Municipal ou Estadual destinado à proteção e defesa dos direitos do consumidor com base em orientação e mediação de conflitos e fiscalização dessas relações.

Conclusão

É notório o sucesso do Reclame Aqui na internet. As próprias empresas possuem uma percepção positiva do portal, que visa abrir/contribuir com caminho de bom diálogo e solução de problemas entre o consumidor e as marcas que vendem bens e serviços.

Esse tipo de interação é positiva para o crescimento das empresas e o modo como o consumidor faz uma avaliação enquanto trabalha na compra de itens pela internet ou até mesmo fisicamente.

O portal avalia e mostra o ranking das melhores e piores empresas que atenderam seus públicos e possui credibilidade para isso!