Dinheiro, Pix, débito ou crédito: Qual a melhor forma de pagamento?

Veja conosco qual é a forma mais vantajosa na hora de realizar seus pagamentos, pensando em menores taxas e melhores condições para seu bolso!

Conjunto de ícones de conceito de dinheiro simbolizando o guia completo sobre as melhores formas de pagamento

Essa é uma das dúvidas que divide opiniões entre os especialistas financeiros, mas, via regra geral, a melhor forma de pagamento é o cliente que irá dizer, afinal, tudo dependerá das taxas cobradas, do seu orçamento e da sua atual situação financeira.

Será por meio dos seus hábitos e necessidades dentro de um mercado competitivo e globalizado que você decidirá quais são as melhores ferramentas para fazer compras ou pagar contas.

Ou seja, não existe regra fixa e válida para todos, mas sim conhecimento de como se portar em casa situação. E como todos bem dizem: Será o cliente o detentor da razão em resolver tal fato e escolher!

Mas, em caso de dúvida, nós do Site Notícia Oficial iremos te mostrar um pouco mais sobre os principais meios de pagamento, como cartão de crédito, cartão de débito, PIX, boletos, crediários e outros, para que possa avaliar quando é mais vantajoso usar cada um. Vamos conferir?!

O que são formas de pagamento?

As melhores formas de pagamentos são de conhecimento de todos desde a antiguidade com a dita “troca”, que sempre existiu para que pessoas pudessem ter acesso aos mais variados produtos e com isso usar de outros materiais em favor da troca.

Longos anos mais tarde, conhecemos esse sistema com a chegada do que entendemos atualmente como “moeda corrente” e é assim até hoje.

Com o “boom” econômico, através dos séculos, é notório que vieram muitas formas de pagamentos, que também precisaram ser regulamentadas pelas moedas oficiais de cada país.

Dentro dessas moedas vieram os cartões de crédito, que utilizam do crédito a favor da moeda local, assim como cheques, a opção débito na conta, em que existe um dinheiro e o pagamento utiliza-se de cartão físico ou virtual, e mais recentemente no Brasil o PIX, além de outros. A modernidade revolucionou o que outrora havia escambo!

Quais formas de pagamento existem?

O mundo do século 21 evoluiu em muitas situações por meio das tecnologias, ciências e novas formas de aprendizado e interação na sociedade.

O que era difícil para um sul-americano enviar uma carta para os confins da Europa, hoje na palma da mão o diálogo existe e o mesmo vale para nossas finanças, pois também existem muitas formas de fazer circular o dinheiro entre nações.

O cidadão comum pode sim ter as melhores formas de pagamento dentro da carteira tradicional, no relógio digital (Smartwatch) com tecnologia NFC (comunicação sem fio), no aplicativo da carteira virtual e até mesmo na conta digital de seu banco.

As mais variadas opções existem e as grandes empresas, bancos ou financeiras têm investido no dito “novo” para melhor revolucionar a vida das pessoas o dinheiro em uso.

Então, sem mais delongas, confira a seguir quais são os principais meios de pagamento utilizados entre os brasileiros!

Dinheiro

O dinheiro é uma das formas mais antigas existentes no mundo e bastante tradicional. Algumas pessoas inclusive sentem-se mais seguras e confortáveis ao tirar as velhas e conhecidas notas ou moedas para quitar algum produto.

Inclusive, além de ainda ser a principal forma de pagamento no Brasil, muitas lojas oferecem descontos via pagamentos à vista, no dinheiro, para estimular a circulação da moeda local e também por ser um meio sem taxa para o comerciante.

Cheque

O cheque tem caído cada vez mais em desuso, mas ainda é aceito por lojistas como forma de pagamento aqui no Brasil.

E o fato de as pessoas estarem se distanciando desse modelo de recebimento tem a ver com a própria modernização utilizada para quitar produtos.

Isso porque os pagamentos eletrônicos são métodos mais rápidos, práticos e até sem juros, ou seja, tudo o que o consumidor precisa no mundo dinâmico em que vivemos.

Cartão de crédito

O cartão de crédito existe na vida de milhares de pessoas dentro de países modernos e com economia aberta. No Brasil é a segunda forma de pagamento mais utilizada.

Basicamente, com o cartão na função crédito temos as melhores condições de pagamento, que podem facilitar a vida do cliente dentro de estabelecimentos com devidas parcerias com o banco ou bandeira em questão.

Além disso, as chances de bonificações são as maiores dentre as opções de mercado, visto que a maioria dos cartões conta com benefícios exclusivos, como cashback, zero anuidade, cobertura internacional, parcelamento diferenciado e etc.

Cartão de débito

O débito é para quem se sente mais seguro ao optar por não ter dinheiro em espécie na carteira e também é uma das formas mais usadas entre os brasileiros.

Na prática, o cartão com função débito será a forma de pagamento com base na quantia existente dentro da conta bancária do cliente.

No caso de perda ou roubo do cartão, assim como na opção crédito, basta contatar o banco emissor e fazer o bloqueio para não ter o extravio de dinheiros.

Boleto

O boleto está ligado à praticidade em ter de resolver algum pagamento de forma prática, tanto para compras quanto para cobranças.

Leia mais: Veja aqui como ganhar dinheiro pagando contas

É uma boa alternativa para clientes que também possuem um perfil mais conservador, que não possuem um cartão de crédito ou que querem ter mais controle e economia em seus pagamentos, visto que também oferece descontos à vista.

Crediário

Também conhecida como concessão, o crediário permite que os usuários tenham em mãos mais uma forma de pagamento, no intuito de consumir dentro de lojas que aceitam e trabalham com essa preferência.

É o famoso carnê que alguns lojistas utilizam para “fidelizar” o cliente e manter as vendas à prazo e o seu auge foi até no início dos anos 2000, mas até hoje lojistas tradicionais continuam implementando.

Transferências

As transferências também são conhecidas pelos brasileiros e muitas delas estão na moda por eliminar taxas extras de circulação de moeda e a da moda é o PIX.

Mas, o TED e DOC não caíram em desuso devido que também trabalham com valores que podem passar do padrão habitual e oferecer segurança mais detalhada. Ambas as três estão na boca do brasileiro.

PIX

  • Processo digital via aplicativo
  • Segurança
  • Qualquer momento e cai na hora
  • Grátis e rápido
  • Pagar com QR Code
  • Outros

TED

  • Sem limite de valores
  • Segurança contra fraudes
  • Dias úteis até 17h
  • Transferência em minutos
  • Outros

DOC

  • Taxas baixas
  • Pode ser cancelado por qualquer banco na hora
  • Transferências até 21h59 por segurança
  • Outros

Quais tipos de pagamentos existem?

diversas formas de pagar por um produto ou uma conta mensal, o que vai depender de cada cliente em questão.

Mas, no mundo moderno fazer pagamentos que trazem segurança é mais interessante e vai de cada um resolver em procurar entender qual o melhor caminho.

Caberá levar em consideração sobre taxas de juros, descontos, pontos no cartão e existirá aqueles que tenham aversão ao uso de crédito.

A seguir vamos pautar algumas das formas que são possibilidades dentro dos mercados nacionais e também internacionais. Confira!

À vista

Todo pagamento à vista é feito com base em dinheiro vivo, boleto com valor total, débito ou então na utilização do cartão de crédito como pagamento em apenas uma vez, o que virá na fatura do mês seguinte, mas lembre-se para não entrar no endividamento do cartão e quitar o valor.

Pagar o total é o mesmo quando um cliente vai até um restaurante, por exemplo, e paga os valores recebidos após uma refeição.

E o PIX também é mais uma opção de pagamento à vista, sendo que os valores caem na hora com segurança para ambas as partes envolvidas no negócio.

Vantagens

  • Zero risco de endividamento
  • Recebe o produto/serviço na hora
  • Pouca sobrecarga nas despesas
  • Melhores condições de negócios
  • Outros

Desvantagens

  • Orçamento reduzido no mês
  • Produtos com valores altos possuem desistência
  • Nunca usar para consumo imediato
  • Outros

Parcelado

O parcelamento ou pagamento a prazo ocorre na vida do consumidor em contas de dívidas que serão recebidas mensalmente.

Todavia, vale ressaltar que dentro desses parcelamentos estarão algumas taxas de juros recorrente do não uso do pagamento à vista É necessário antes de efetuar compras procurar saber se as taxas são vantajosas. Pesquise!

Sem juros

  • Incidência de valor adicional
  • Compra tem o mesmo valor à vista
  • Descontos e ofertas
  • Pode não haver juros
  • Outros

Com juros

  • Aumento de gastos mensais
  • Endividamentos
  • Renda comprometida
  • Parcelamentos
  • Outros

H4: Vantagens

  • Menor exposição
  • Segurança
  • Confiabilidade
  • Cashback
  • Pontos
  • Milhas
  • Melhores condições de pagamentos
  • Outros

Desvantagens

  • Juros altos dependendo da loja
  • Dívidas
  • Nome no SPC e Serasa
  • Pouca circulação de crédito no mercado
  • Renda presa aos pagamentos
  • Outros

Qual é a melhor maneira de fazer um pagamento?

A melhor forma de pagamento hoje em dia para a maioria das pessoas, acredite você ou não, é o cartão de crédito.

Ele precisa ser controlado pelo usuário e é necessário saber que ao usá-lo haverá melhores condições nos programas de benefício, como possibilidade de ganhar milhas, cashback, descontos em parceiros, não pagar anuidade e outros motivos que fazem desse modelo o melhor do mercado.

O cartão é protegido contra roubos e pode ser bloqueado a qualquer momento. Bastará que o próprio cliente tenha cautela e saiba usar dessa forma de pagamento nas lojas físicas ou sites que inclusive possuem parcerias com muitas marcas de bancos/financeiras e também as bandeiras, como Visa, Mastercard, Elo, Amex e outras do mercado.