Débito automático: o que é e como funciona?

Tudo o que você precisa saber para colocar suas contas no pagamento automático!

Débito automático: o que é e como funciona?

Com tantos boletos, contas e faturas para pagar e com datas de vencimento diferentes, podemos acabar nos confundindo e esquecendo de realizar o pagamento sem atraso, e o débito automático pode evitar isso.

Programar aqueles pagamentos que ocorrem mensalmente, como as contas residenciais, assinaturas, mensalidades e financiamentos, por exemplo, pode nos ajudar na organização financeira.

Além disso, o débito automático pode ser um importante aliado para pagarmos nossas contas na data certa, evitando problemas como pagamentos de multas e juros, que geram mais gastos.

Mas, como nem todos sabem o que é o débito automático ou como exatamente esse método de pagamento funciona, o Notícia Oficial preparou um guia completo sobre. Confira!

O que é débito automático?

O débito automático é uma forma de pagamento de contas, onde os valores devidos são debitados diretamente da conta do cliente, antes da data de vencimento.

Essa forma de pagamento começou a ser utilizada no Brasil em 1992, sendo naquele momento permitido o pagamento de contas residenciais e empresariais como despesas de água, energia elétrica e telefone fixo.

Atualmente, o modo de pagamento abrange vários outros tipos de contas e boletos, como faturas do cartão de crédito, o que tornou o débito automático uma praticidade no dia a dia do brasileiro.

Para que serve o débito automático?

O débito automático pode ser muito útil, pois facilita a sua organização financeira. Confira algumas das utilidades deste método de pagamento:

  • Pagar diversos tipos de contas e boletos sem a necessidade de ir até bancos ou lotéricas
  • Evita que você pague multas e juros por esquecer de fazer o pagamento de suas contas na data certa
  • Dá para programar o pagamento de faturas de cartões sem correr o risco de atraso, pois atrasar contas diminui o score de crédito
  • Não irá mais deixar mais de pagar uma conta por causa do aplicativo bancário estar fora do ar ou por você estar sem acesso à internet no dia do vencimento
  • Maior praticidade, evitando que você tenha que perder tempo fazendo pagamentos presenciais ou online enquanto está muito ocupado com o trabalho ou durante uma viagem

Qual a diferença entre débito automático e débito em conta?

Na verdade, o débito automático e o débito em conta são sinônimos, pois são dois nomes diferentes dados a mesma operação financeira.

O método consiste na cobrança automática do valor diretamente da conta do cliente, seja de uma conta, boleto, mensalidade, parcela de financiamento, empréstimo, entre outros.

Além da opção comum do débito ser feito em contas correntes do titular responsável pelo pagamento, ele também pode optar pelo débito em conta poupança.

Como funciona o débito automático em conta?

O débito automático em conta funciona de forma muito simples, trazendo mais facilidades para a realização do pagamento de contas mensais.

Ao invés de você ir à agência bancária, usar o internet banking ou app bancário para pagar suas contas, o valor é debitado automaticamente da sua conta corrente ou poupança, ou seja, não é preciso esperar em filas e nem escanear boletos.

Basicamente, a dinâmica do débito em conta é a seguinte:

  • Você entra em contato com o banco que tem conta e solicita a função de débito automático para pagamentos
  • Liberada a função, basta cadastrar no aplicativo do banco as contas que deseja pagar no automático todos os meses
  • No dia programado para o pagamento, a conta será paga e o valor será debitado da sua conta, se houver saldo suficiente

Quem pode usar o débito automático?

Qualquer pessoa que tenha uma conta corrente ou poupança ativa em um banco que oferece o serviço pode utilizar o débito automático.

É uma forma de pagamento de contas, boletos, financiamentos, empréstimos e assinaturas ideal para quem busca por mais simplicidade no dia a dia.

Que horas cai o pagamento via débito automático?

Não existe uma “hora certa” para os pagamentos via débito automático serem realizados, podendo ser efetivados em qualquer horário dentro do dia estabelecido.

Mas fique tranquilo, pois caso tenha passado do horário de funcionamento bancário, o pagamento será feito no próximo dia útil, tudo de forma automatizada.

Como são feitos os débitos automáticos aos finais de semana?

Os débitos automáticos não são realizados aos fins de semanas e nem durante feriados. Nesses casos, são agendados para o próximo dia útil.

Isso não te prejudica financeiramente, visto que, em geral, as contas que caem aos sábados, domingos ou feriados, podem ser pagas no dia útil subsequente sem nenhuma cobrança extra.

Contas que podem ser pagas no débito automático

Hoje em dia há vários tipos de contas, boletos e faturas que podem ser colocados para pagamento automático em sua conta bancária.

São exemplos contas de serviços de assinaturas, como fatura da Netflix, contas residenciais, como conta de água e luz, faturas de cartões de crédito e muito mais.

Para não restar dúvidas sobre o que dá para pagar no débito automático, confira a seguir a lista completa e atualizada!

Contas de consumo

Entre as contas de consumo, estão os boletos de serviços de concessionárias, como é o caso das contas de água, luz, telefone e TV por assinatura.

São contas de serviços de consumo contínuo, pago mensalmente pelo uso. Em alguns casos se tem um valor fixo, como TV por assinatura e plano de telefonia móvel, e em outros o valor é variável, como energia elétrica e água.

Quando os pagamentos por débito automático começaram no Brasil, lá na década de 1990, o serviço bancário era voltado apenas para as contas de consumo.

Ainda hoje, este tipo de boleto está entre as principais despesas que as pessoas costumam colocar no débito em conta, mas há muitas outras que podem ser pagas.

Fatura do cartão de crédito

Esquecer-se de pagar a fatura do cartão no dia certo pode gerar grande dor de cabeça, pois o rotativo do cartão é o que tem os maiores juros aqui no Brasil.

Entretanto, com a vida corrida e as pessoas cada vez mais usando o cartão de crédito, é normal esquecer de pagar a fatura sem atraso.

Por isso, colocar as faturas dos seus cartões no débito automático pode ajudar no bolso e na organização das finanças.

Assim, além de evitar as multas e os altos juros pelo atraso, o débito em conta também evitará que o seu score diminua, o que acontece quando atrasamos pagamentos.

Parcelas de empréstimos e financiamentos

Os financiamentos (como os imobiliários, de veículos e outros bens), podem ser colocados em débito automático, evitando multas e juros por atraso.

Como você já sabe que aquele valor fixo tem que ser pago mensalmente no carnê do financiamento, colocar no débito automático é uma boa forma de garantir o pagamento na data, sem dor de cabeça.

O mesmo vale para parcelas de empréstimos feitas junto à instituições financeiras, seja o empréstimo do mesmo banco da conta ou não.

Serviços de assinatura

As contas por assinatura também podem ser pagas via débito automático, como os serviços streamings de vídeo, HBO Max, por exemplo, e de música, Spotify e Deezer, por exemplo.

Leia mais:

Além disso, dá para pagar no automático também contas de assinaturas de revistas, jornais, clubes, pacotes de telefonia, como internet e televisão, enfim.

Como são muitas coisas para se pagar, às vezes em datas diferentes, o débito em conta é um método que pode facilitar e evitar atrasos.

Todos os bancos oferecem débito em conta?

Tenha em mente que boa parte dos bancos oferecem o serviço, mas não são todos os que disponibilizam para seus clientes.

Por isso, se você deseja colocar suas contas no pagamento automático, é preciso primeiro saber se o serviço está liberado no seu banco.

Para isso, basta contatar seu banco pelos canais de atendimento, como ligação por telefone ou chat do aplicativo bancário ou Internet Banking.

Passo a passo para solicitar o débito automático

Para solicitar e começar a utilizar o pagamento via débito em conta (apesar de poder haver diferenças de um banco para outro), você deve seguir basicamente este passo a passo simples:

  1. Veja se o banco que você tem conta oferece o serviço
  2. Em caso de reposta positiva, solicite à instituição financeira sua adesão ao débito automático
  3. Verifique se todas as empresas que você deseja fazer o pagamento automático aceitam esse tipo de recebimento
  4. Em seguida, cadastre as contas que deseja em débito automático, seja através do app bancário, internet banking ou terminais de autoatendimento
  5. Escolha a data para o débito, podendo ser no vencimento da conta ou em data anterior
  6. Feito isso, os seus pagamentos começaram a serem efetivados de forma automática, com o valor cobrado sendo debitado diretamente do saldo disponível na sua conta

Vale destacar que alguns bancos, além da opção de débito automático em conta, também dão a opção de pagamento das contas via débito do limite do seu cartão de crédito.

Passo a passo para cancelar o débito automático

Se por qualquer motivo você queira cancelar o débito automático, seja de uma das contas cadastradas ou de todas elas, você deve solicitar ao seu banco, que é obrigado a atender sua solicitação.

Em todos os casos, há um prazo mínimo, que costuma ser de um dia útil, para o cancelamento de débitos automáticos que já estavam agendados.

Nos bancos digitais que oferecem o serviço, você pode solicitar de forma simples o cancelamento, tudo no aplicativo.

Caso seja cliente de um dos cinco maiores bancos que atuam no Brasil, você também pode fazer o cancelamento do débito em conta de forma simples.

Confira a seguir um passo a passo rápido de como cancelar o pagamento no débito em conta nos principais bancos tradicionais!

Banco do Brasil

Cartão de Crédito

Ourocard Internacional

  • Internacional
  • Três funções

Saiba como solicitar

Para cancelar definitivamente o débito em conta, o cliente deve acionar o “Cancelamento de autorização”, o que pode ser feito pela internet ou caixa eletrônico.

Se a intenção for bloquear o pagamento automático de uma conta específica, é possível fazer isso pelas mesmas vias, até às 18h do dia do vencimento da conta.

Caso encontre dificuldades, você pode contatar o atendimento do BB para obter ajuda em algo mais específico.

CONHECER CARTÕES DO BANCO DO BRASIL

Bradesco

Cartão de Crédito

Bradesco Like

  • Com cashback
  • Personalizável

Saiba como solicitar

Para solicitar o cancelamento do débito em conta no Bradesco é muito simples, basta entrar no aplicativo do banco e clicar em “Mais serviços”.

Depois, toque em “Débito automático” e, em seguida, na opção “Excluir”, aí basta escolher o contrato que deseja cancelar.

Você também pode solicitar o fim da utilização do serviço ou excluir uma das contas do débito automático diretamente numa agência do Bradesco.

CONHECER CONTA DIGITAL DO BRADESCO

Itaú

Cartão de Crédito

Click Itaucard

  • Internacional
  • Limite alto

Saiba como solicitar

Para cancelar o pagamento via débito em conta sendo cliente do Itaú é bem rápido, pois basta fazer login na sua conta pelo internet banking.

Assim, no app digite “Cancelar débito automático” no campo de busca, depois selecione “cancelar o contrato definitivamente” e valide a operação com o iToken.

Caso não consiga realizar o cancelamento, entre em contato com a central de atendimento do Itaú ou solicite o cancelamento diretamente na sua agência bancária.

CONHECER CONTA DIGITAL DO ITAÚ

Santander

Cartão de Crédito

Santander SX

  • Limite alto
  • Vantagens Exclusivas

Saiba como solicitar

Pelo internet banking do Santander você pode cancelar o débito automático de contas de água, gás, luz, telefone, IPTU e empresas conveniadas.

Para isso, acesse o Internet Banking Santander, vá ao menu “Débito Automático”, clique em “Cadastro” e, em seguida, na opção, “Excluir”.

Se preferir, você pode usar outros canais de atendimento do Santander, como as agências, autoatendimento nos caixas eletrônicos ou via telefone.

Para cancelar o débito em conta de outros tipos de pagamentos, como assinaturas de TV a cabo, jornais, revistas, internet e etc., o pedido deve ser feito diretamente para a empresa prestadora do serviço.

CONHECER CONTA DIGITAL DO SANTANDER

Caixa Econômica Federal

Cartão de crédito

Caixa Tem

  • Sem anuidade
  • Fácil aprovação
VER COMO SOLICITAR

O cancelamento do débito em conta na Caixa Federal pode ser feito a qualquer momento em sua agência, Internet Banking ou nos caixas eletrônicos.

Entretanto, é importante saber que o cancelamento do serviço de pagamentos automático não exclui pagamentos já agendados.

Para cancelar as transações já programadas de débitos automáticos, você deve procurar sua agência com antecedência mínima de um dia útil.

Vale a pena usar o débito em conta?

Valer ou não a pena vai depender da pessoa. Normalmente, essa é uma boa ferramenta para evitar atrasos nos pagamentos, que geram uma série de consequências, como diminuição no score, taxas de juros adicionais, enfim.

Por isso, você deve analisar contas que realmente valem a pena para você colocar em débito automático, principalmente aquelas com valores fixos.

Vantagens

Dentre as principais vantagens do pagamento automático, a maior está na praticidade em evitar atrasos por esquecimento, o que ajuda na organização financeira, além de ser um serviço gratuito, sem taxas adicionais.

Pagamentos sem atraso

Evitar atrasos nos pagamentos talvez seja a principal vantagem de se colocar contas, boletos, assinaturas e financiamentos no débito em conta.

Com isso, você estará evitando ter maiores gastos, como aqueles decorrentes dos pagamentos de multas e juros, muitas vezes altos, cobrados pelo atraso.

Descontos

Além de pagar em dia, você pode optar por pagar antes do vencimento, onde muitos bancos dão descontos na antecipação de pagamentos, principalmente parcelas de empréstimos e financiamentos.

Assim, você economiza um dinheirinho somente por pagar suas contas. Bancos que dão desconto no pagamento antecipado são o Nubank e BV, por exemplo.

Praticidade

Outro ponto positivo é a praticidade de não precisar ficar em filas de bancos e lotéricas, bem como poupar seu tempo ao ter que entrar no app bancário para fazer cada pagamento.

Tudo vai ser feito de forma automática e na data certa, do jeito que você solicitou, sem ter maiores preocupações, o que é ótimo.

Organização financeira

Colocar suas contas, sobretudo as essenciais, como energia elétrica, água, aluguel, em débito automático podem ajudar na organização financeira.

Isto porque você sabe exatamente para onde está indo o seu salário, pois uma vez que cadastra o pagamento automático, vê o quanto foi pago em cada conta, diferente de pagar avulso, por exemplo.

Sem custos adicionais

As taxas cobradas por serviços bancários fazem muitas pessoas acabarem desistindo de algumas deles.

A boa notícia é que nenhuma tarifa é cobrada para se usar o débito automático, ou seja, é um serviço gratuito que facilita sua rotina.

Ah, e não tem taxa mesmo, independente de quantas contas e boletos você cadastrar no pagamento automático em conta.

Pagar contas no nome de outras pessoas

Contas de casa podem ser de sua responsabilidade e estar no nome de outro familiar ou pessoa que você vive junto, por exemplo, bem como há aquelas contas em nome de dependentes.

Mas não tem problema, pois você pode colocar em débito automático até mesmo as contas que estão em nome de terceiros, sem nenhuma grande burocracia.

Afinal, não é por estar no nome de outra pessoa que você precisa se deslocar até um banco ou agência para realizar o pagamento, certo?!

Desvantagens

Como nada é perfeito no mundo, existem desvantagens também ao usar o débito em conta e você deve ficar atento para não cair em ciladas.

Precisa ter dinheiro na conta

Como o débito do valor a ser pago é feito diretamente na sua conta, é necessário ter fundos suficientes para o pagamento ser realizado na data agendada.

Então, é importante sempre cadastrar os pagamentos após ter certeza que tem dinheiro disponível na conta, para evitar problemas futuros.

Isso porque se não houver dinheiro na sua conta, podem ocorrer dois problemas:

  • O pagamento não será feito e só começará quando a conta tiver dinheiro, ou seja, haverá a cobrança de multa e juros por atraso
  • Caso você tenha limite de cheque especial na conta, pode acontecer um problema ainda maior, que é o valor ser debitado do cheque especial, que cobra um dos maiores juros do mercado

Risco de cobrança indevida

Quando uma conta ou boleto vem com valor errado, você entra em contato com a empresa responsável e solicita correção, para somente depois pagar, certo?

Contudo, no débito automático, o valor vai ser retirado da sua conta e o processo para recebê-lo de volta pode ser um tanto burocrático.

Ou seja, o que era para ser fácil vai lhe gerar mais trabalho, até mesmo porque o estorno pode demorar e com certeza esse dinheiro fará falta no orçamento.

Por isso, mesmo colocando em débito em conta, sempre confira se o pagamento foi realizado corretamente e cheque se os valores “batem”.

Como na maioria dos casos, seja por e-mail, SMS ou outras formas, você tem acesso ao valor a ser pago antes da data limite. Você pode regularizar a situação com antecedência se estiver atento.

Cuidados ao tomar com esse tipo de pagamento

Ao colocar suas contas para serem pagas no débito automático, você deve ter alguns cuidados para não acabar tendo surpresas desagradáveis depois.

Deve-se ter atenção sempre se o valor cobrado é o correto, regularizar a situação em caso de troca de banco, enfim. Veja algumas dicas abaixo!

Quando houver mudanças na conta

Caso haja troca de banco, agência ou do número da conta, o consumidor deve atualizar as informações junto ao fornecedor e ao banco.

Já no caso de encerramento de conta, você deverá comunicar por escrito a suspensão do débito automático, juntamente com a entrega do cartão de débito e folhas de cheque não utilizadas.

Cobrança indevida

É importante ficar atento aos comprovantes e ao seu extrato bancário, para verificar se os valores debitados condizem com o valor pago pelo serviço.

Em caso de discrepância no valor, você deve entrar em contato com a empresa financeira responsável pela cobrança, para que a devolução seja realizada.

Cancelamento ou suspensão do serviço

Se for realizar a suspensão de um serviço junto ao fornecedor, você também precisará comunicar ao banco para o cancelamento da cobrança no automático.

Por exemplo, se for um serviço de assinatura, você deve guardar o documento que especifica as condições de contratação do serviço.

Desta forma, você poderá comprovar o período de meses em que o pagamento foi combinado e monitorar o fim da cobrança na data prevista.

Dicas para usar o débito automático sem erros

Agora que você já sabe como funciona o pagamento por débito automático, é hora de conferir importantes dicas para usar este recurso sem cometer erros.

Assim, poderá aproveitar as facilidades e praticidade pagando suas contas em dia e sem ter dores de cabeça. Confira as dicas!

  • Busque sempre manter saldo suficiente para o pagamento do débito, evitando, desta forma, entrar no cheque-especial ou que os pagamentos atrasem
  • Sempre verifique se o valor da conta é debitado na data estabelecida, seja a do vencimento ou da data anterior, caso tiver escolhido
  • Acompanhe se os valores foram debitados de forma correta, acompanhando o serviço através dos seus extratos bancários comprovantes
  • Evite colocar em débito automático conta de fornecedores de serviços que apresentem saldo a pagar que pode ter grande variação, como a fatura do cartão de crédito
  • Análise depois de um tempo o quando valeu a pena, tanto em questão de economia por não atrasar mais as contas, tanto pela comodidade

Com estas informações, você já está preparado para utilizar a ferramenta para fazer seus pagamentos mensais de forma mais prática e sem risco de atrasos.

Para mais guias e dicas como essa e sobre tudo que envolve finanças pessoais, investimentos e negócios, siga atento aos conteúdos aqui do Notícia Oficial!