Descubra o que é CVV – O código mais importante do seu cartão

Descubra neste guia completo tudo sobre o CVV do cartão de crédito e de débito e como ele é fundamental para lhe trazer mais segurança durante suas compras!

imagem indicando o CVV cartão de crédito e cartão de débito

É bastante natural ao fazer uma compra online informar o Card Verification Value, ou então, o Valor de Verificação do Cartão (CVV) do seu cartão de crédito, não é mesmo? Inclusive, as mais diversas lojas nos sites de compras costumam salientar a importância do número que fica atrás do seu cartão no final das compras.

Por ser um código de segurança realiza a função de “senha do cartão de crédito”, no qual serve principalmente para evitar fraudes em compras e ainda mais quando falamos de internet, onde encontra-se o “boom” de compras nos mais diversos sites, com milhares de produtos e que muitos desses possam estar atrelados a golpes e transações irregulares na hora da compra.

Por isso, no texto de hoje vamos aprender que algumas bandeiras de cartão de crédito chamam os CVV’s por nomes diferentes, mas que realizam a mesma função, que basicamente é garantir que você usuário tenha tranquilidade e não caia em golpes ao efetuar uma compra pela internet, sendo no Brasil ou no exterior.

O que é o CVV do cartão?

O CVV do cartão é o código que vai ajudar na segurança do usuário quando esse for utilizá-lo em compras na internet. Será o CVV que fará a verificação por meio do código de segurança, que pode estar presente na frente ou atrás do seu cartão de crédito ou débito.

Com relação as siglas, essas vão variar de acordo com cada bandeira de cartão, mas mantenha-se tranquilo, visto que a função em lidar com a segurança é a mesma. Além disso, não estranhe também as siglas com nomenclaturas diferentes, pois elas podem ganhar nomes como: V-CODE ou V CODE; CVVC e CVD.

Quantos números tem o CVV?

Nos cartões mais tradicionais, de bandeiras como Visa, Mastercard, Elo, Diners Club, Discover e JCB, o número de dígitos do valor de verificação de cartão segue o padrão de três dígitos e é sempre indicado na parte de trás do cartão, no qual a posição exata pode variar de acordo com cada modelo de cartão. Além disso, são compostos por três ou quatro números, por exemplo: 123 ou 1234. É essa numeração que ajuda na diferenciação de uma cartão por outro.

Já nos cartões da American Express ou Amex, os números/códigos de verificação ficam na frente do cartão no canto direito e possuem quatro dígitos, 1234, por exemplo.

O que significa CVV?

Na tradução literal é o mesmo que Card Verification Value, ou então, o Valor de Verificação do Cartão (CVV). Porém, em outras marcas de bandeiras podem ser chamados por Código de Segurança do Cartão (CSC), Código de Validação do Cartão (CVC ou CVC2) ou Identificação do Cartão (CID ou Card ID).

Além dessas nomenclaturas usuais, o código de segurança (CVV) também é conhecido como Card Verification Value Code (CVVC), Verification Code (V-Code) ou V-Code, bem como pode ainda ser denominado por: CVVC (Card Verification Value Code), Card Code Verification (CCV) ou Card Verification Data (CVD).

Contudo, é importante que você saiba que não importa a denominação existente no seu cartão, mas sim que é via de regra a utilização dele, ou seja, tem a função de garantir que você esteja protegido ao fazer uma compra, tanto em lojas físicas quanto em lojas virtuais.

Por isso, entenda que o CVV “combate” fraudes e é justamente essa função dos números que estão no seu cartão de crédito ou débito. Se ficar em dúvida sobre qual é a nomenclatura usada no cartão que você utiliza, basta contatar a sua bandeira de cartão ou fazer uma pesquisa rápida no site dela.

O CVV do cartão é seguro?

Todo usuário ao receber o primeiro ou um novo cartão haverá sempre um CVV diferente. Esse código de segurança é o responsável por lhe manter seguro para realizar suas compras em uma loja virtual ou física. E, vale lembrar que, o CVV do cartão só existe no próprio cartão, isto é, em nenhum outro lugar é possível encontrá-lo.

Algumas dicas e informações úteis:

  • Jamais compartilhe o CVV do seu cartão com outras pessoas
  • Não o deixe visível quando comprar
  • Quando são feitas compras com seu cartão, esse número de segurança não aparece na nota
  • Esse é código mais importante de um cartão, pois evita fraudes e protege os seus dados

Onde fica o CVV no seu cartão?

Conforme destacado, os CVV’s do cartão encontram-se na parte traseira ou no caso dos cartões da American Express ou Amex, os números/códigos de verificação ficam na frente do cartão no canto direito e possuem quatro dígitos, 1234, por exemplo. 

Já as bandeiras Mastercard, Visa, Elo, Discover, JCB e Diners seguem o padrão de três dígitos na parte de trás do cartão, 123, por exemplo.

Cartão de Crédito

O cartão de crédito é um meio de pagamento eletrônico, no qual já é muito utilizado pelos consumidores há anos nos grandes, médios e pequenos centros comerciais do planeta. São aceitos em restaurantes, bares, lojas e barraquinhas de compras. E também possuem a mesma lógica do CVV de terem um código na parte de trás ou na frente do cartão como forma de segurança.

Cartão de Débito

O cartão de débito é o oposto do cartão de crédito. Nele é possível efetuar compras que debita na conta corrente do cliente. E no que tange a segurança é o mesmo modelo do cartão de crédito, no qual trará diferenças conforme a bandeira e a forma como ela vai entender sobre a segurança via CVV.

Cartão de Virtual

O cartão de crédito virtual é ofertado pelos bancos e financeiras aos seus clientes de maneira automática, uma forma de mostrar os serviços extras que cada um oferece. No virtual, o CVV encontra-se na parte de trás ou frente, o que vai de acordo com o modelo de tela apresentado pelo banco ou financeira.

Para que serve o CVV?

O CVV do cartão é o aliado que vai garantir que qualquer compra seja feita de maneira segura e pontual. Então, quando o cliente entra num site e é pedido o número do CVV, nada mais é do que uma forma de manter as compras ativas e informar ao site que sim, o cartão é legítimo.

Tudo é feito de maneira clara e segura. O e-commerce quando solicita o seu CVV, primeiro é pedido o nome, CPF ou CNPJ, número e validade do cartão, para somente depois o código em si. Dessa maneira, a compra só é aprovada se o CVV digitado for correto. Sem ele, não são permitidos efetuar compras no mercado virtual.

Como funciona o código de segurança do cartão de crédito?

O código do CVV atua como um algoritmo de três ou quatro dígitos. Tudo é criptografado para evitar também crimes cibernéticos. Tanto o CVV do cartão quanto a data de validade complementam a informação de que o cartão está ou não apto ao uso. O nome do cliente e o número com mais dígitos, que vem na parte da frente, precisam bater na hora da checagem que este dispositivo faz no ato final da compra.

É tudo muito rápido e seguro. E a operadora do cartão, caso tenha notado algo irregular, pode impedir a compra. Nas maquininhas virtuais ou físicas de cartão, o mesmo acontece quando o cartão não é legítimo. Dessa forma, o CVV é primordial para as compras finais. 

Por que é obrigatório informar o CVV do cartão ao comprar online?

Sabe-se que o CVV atua para evitar golpes e fraudes na internet, ou seja, é como uma espécie de protetor de dados do seu cartão de débito ou crédito. E além do mais, a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) determina que lojas virtuais cobram que o usuário informe o número do CVV no ato da compra. Antes não existia essa regra e, infelizmente, os riscos de golpes eram bem mais altos que os atuais.

Portanto, o CVV do cartão complementa a verificação do seu cartão no ato final da compra. Isso significa que ele é peça fundamental para proteger você, além de ajudar a certificar para a loja que sim, o cartão pode ser utilizado.

Cuidados para realizar compras online

Para evitar ao máximo ter seu cartão de crédito clonado ou ter seus dados pessoais e bancários vazados na internet para a prática de outros golpes, a dica é sempre procurar um site de confiança e que seja bem avaliado pelos usuários para realizar suas compras online.

Além do mais, veja se esse site é conhecido por seus amigos e familiares que possuem o hábito de comprar pela internet. Jamais, saia fazendo cadastros em qualquer site que venham com “ofertas” mirabolantes. 

No e-mail vale a mesma coisa! Não o utilize como formas de cadastros para lojas virtuais que você sequer tinha ouvido falar. Desconfie sempre. E veja se os itens dos sites realmente são certificados e com nota fiscal.

Por fim, confira a seguir algumas dicas bem pontuais sobre o assunto:

  • Não o compartilhe o código de segurança do seu cartão com terceiros
  • Evite deixar o CVV do cartão visível quando for comprar
  • Desconfie de certos sites
  • Veja a reputação da loja virtual no Procon ou no site Reclame Aqui
  • Ao sair na rua, cole um adesivo na parte do CVV

Prontinho, chegamos ao fim do nosso guia sobre CVV do cartão de crédito e débito! Esperamos que agora você tenha esclarecido suas dúvidas sobre o assunto e se sinta mais confortável para fazer suas compras tendo a certeza de que está protegido!